Muitos brasileiros são apaixonados por Lisboa (e demais cidades portuguesas), outros, não querem nem falar no assunto. Afirmam querer conhecer o que é diferente do Brasil, e não vieram pra Europa para “falar português”. Puro engano, eu diria.

Portugal é um país lindíssimo, cheio de história e cultura, com uma culinária sensacional! E conta com uma facilidade a mais! Sim, você vai falar português como se estivesse praticamente em casa!

Claro que existem algumas diferenças entre a língua falada no Brasil e a falada em Portugal, mas isso já seria assunto para um outro post.

Eu já visitei o país algumas vezes e pretendo visitá-lo várias outras vezes! A ideia do post aqui é dar algumas dicas do que fazer por lá, se você tiver somente 1 dia em Lisboa (um stopover,  por exemplo).

O aeroporto de Lisboa é ligado ao centro da cidade por uma moderna linha de metrô, então, ao chegar ao metrô, já compre um cartão Lisboa Viva (50 cêntimos, sim em portugal é assim que eles chamam centavos) e um bilhete diário. Este bilhete dá acesso a todo o transporte público, como metrôs (em portugal a pronúncia é métro), elétricos e ônibus (autocarros  em português europeu) e custa hoje 6 euros.

Hora então de desbravar Lisboa. Pegue o metrô no aeroporto e vá até o final da linha, na estação São Sebastião; troque para linha azul em direção a Santa Apolônia e desça na estação Restauradores.

Agora que você já está no centro, caminhe em direção a praça do comércio. A estação Baixa Chiado liga o bairro Baixa (literalmente baixo) com o Chiado (parte alta). O café “A Brasileira” é no Chiado. Tome um café (atenção aqui, em Portugal se você pedir um café, este será um espresso. Se você quiser qualquer coisa diferente disso, tem de explicar) e tire uma foto com a estátua famosa do Pessoa, pois esse era o seu café preferido.

Pegue o elétrico 28 vá até a parte alta (em direção ao castelo de São Jorge) e/ou para o outro lado, em direção ao cemitério dos Prazeres. Essa é a linha de bonde mais antiga de Lisboa ainda em funcionamento.

Chegando na praça do comércio, pegue o Eléctrico 15 em direção a Belém (sim, vai estar lotado)

Desça na estação Belém e vá até a Pastelaria de Belém (almoce aqui, ou coma quantos pastéis de belém conseguir). As tostas são uma delícia (tipo sanduíche). Café com leite, chama: meia de leite; lembre que se pedir café, vai ser espresso. O cappuccino, normalmente custa o triplo do preço, só por causa do leite vaporizado.

 

Caminhe por Belém:

No Mosteiro dos Jerônimos, entre na igreja (entrada gratuita), visite o túmulo do Camões (amor é fogo que arde sem se ver….) e do Saldanha.

Vá até o Monumento dos Descobrimentos (se der tempo suba, é baratinho para estudante) e caminhe até a Torre de Belém.

 

À noite, divirta-se em um dos vários restaurantes e/ou bares do bairro Alto. Não deixe de pedir o vinho da casa ou peça uma dica ao garçom. Prove tudo que conseguir da culinária portuguesa, como os pratos com bacalhau.

E se você tiver mais 1, 2 ou mais dias em Lisboa, não deixe de ir ao oceanário de Lisboa e ao Parque das Nações. Vá também a Sintra (essa talvez seja a mais linda cidade portuguesa) e a Cascais, especialmente se for verão ou o clima estiver bom.